Gênero e sexualidade: a fascinante história de “lxs muxhes”

Do portal Latitudes Latinas

Las-muxhes-2

Por meio da história de vida dx muxhe Darina Guerrero Carbalho, o documentário “la fascinante historia de los muxhes”, produzido e dirigido por Paula Corzo, constrói a narrativa sobre a identidade histórica e cultural, de tradição indígena , dxs muches na cidade de Juchitán, estado de Oaxaca, México.

muxes

Não são homens, não são mulheres. Elxs são muxhes. De acordo com a tradição histórica e cultural indígena zapoteca, xs muxhes são biologicamente homens, mas assumem e constroem uma identidade do gênero feminino, também são biologicamente mulheres e assumem a identidade do gênero masculino. A língua indígena zapoteco rompe com o binarismo homem-mulher, porque não existem palavras para definir o gênero.

assista ao documentário (em espanhol):